quinta-feira, 10 de novembro de 2011

ÚLTIMOS ACORDES... MAESTRO VALMIR É SEPULTADO EM JARDIM DO SERIDÓ/RN



A manhã de hoje, dia 10 de novembro de 2011, foi marcada por muita comoção e homenagens feitas ao maestro Valmir Fonseca de Souza – conhecido popularmente por Valmir de Seu Valdemar – na cidade de Jardim do Seridó/RN.

Por volta das seis horas da manhã, o cortejo fúnebre partiu do centro de velório de João de Deus para a sede da Banda Musical Euterpe Jardinense, ao som da Filarmônica Santa Cecília da cidade de Água Branca/AL.

Em seguida, na sede da Euterpe, foram realizadas homenagens musicais pela filarmônica da cidade de Água Branca/RN, na qual Valmir foi maestro por vinte anos, e pelas bandas Euterpe Jardinense de Jardim do Seridó/RN e Filarmônica Onze de Fevereiro da cidade de Parelhas/RN, nas quais Valmir foi integrante. As melodias emocionaram os presentes levando as lágrimas, todos que se fizeram presentes àquele momento de despedida, músicos, amigos, familiares, estudantes e população em geral.

Após a prestação das homenagens, o cortejo seguiu em direção a Igreja Matriz de Nossa Senhora da Conceição acompanhado por uma multidão comovida com a perda do mestre Valmir. Junto ao carro fúnebre, além dos familiares, acompanhavam também os músicos da Euterpe que foram colegas de banda do então músico Valmir, como Zé Meira, Gilmar de Geraldo Dias, Glauco Espínola, Formiguinha, Babado, Zezão, Silas Meira, Dió, Nego Aldo, dentre outros.

Com o término da missa de corpo presente e das últimas homenagens, o cortejo seguiu em direção ao Cemitério Público da cidade supracitada, para o sepultamento do ilustre maestro.

Um dos momentos mais marcantes do ritual fúnebre foi quando os músicos da Filarmônica Santa Cecília  prestaram suas últimas homenagens e despediram-se de seu inesquecível mestre. Pela primeira vez, ao invés da música, o silêncio e as lágrimas tomaram conta da banda de música de Água Branca/AL.

Nenhum comentário:

Postar um comentário