sábado, 13 de junho de 2009

POR UMA TRAJETÓRIA DA BANDA DE ACARI


E lá aportam os soldados em marcha-desfile pelas ruas e becos da cidade. A sincronia é regra. A farda evidencia o coletivo do regime. Mas as armas são instrumentos: clarinetes, carrilhões sinfônicos, fagotes, violinos, flautas doces a adocicar rastros de música. É a Filarmônica Maestro Felinto Lúcio Dantas - patrimônio cultural e sentimental dos seridoenses de Acari a carregar tradições seculares. A Banda está presente na cidade desde 1927, antes mesmo de sua fundação, em 11 de abril de 1933. É a sonoridade viva das nostalgias, saudades e vivências do povo acariense.

Fonte: http://junyorcn.blogspot.com/2008/12/trajetria-da-banda-de-acari-contada-em.html

Nenhum comentário:

Postar um comentário